Chás que ajudam a emagrecer...



Olá a todos! Sabiam que se misturarmos algumas ervas de chá diferentes (cada uma com o seu poder terapêutico), podemos estimular a nossa perda de peso?

Nesta publicação aqui, já vos foi apresentado o Chá verde com gengibre e canela/ou/limão, que é um chá muito bom para aumentar o nosso metabolismo e que é também um grande exemplo de como a mistura certa pode fazer maravilhas.

Hoje apresento-vos mais alguns chás milagrosos para que juntamente com a dieta e/ou a reeducação alimentar, consigam o peso que tanto desejam!




Dizem por aí, que combinar ervas termogênicas (as quais aceleram o metabolismo, favorecendo a queima de gordura), desintoxicantes (as quais eliminam as toxinas, que causam resistência ao emagrecimento) e diuréticas (as quais evitam a retenção de líquidos) podemos assim eliminar aproximadamente uns incríveis 6kg por mês. Fantástico não é?

O indicado é tomar chá todos os dias para dar início a esse processo, bebendo de 3 a 4 chávenas por dia, não sendo aconselhado acrescentar mais que três ervas numa mesma infusão. A explicação para esse conselho, é que usar muitas plantas faz com que elas entrem em “competição”, diminuindo assim o efeito de cada uma delas. 
O objetivo é que elas trabalhem juntas, aumentando as suas propriedades que ajudam a emagrecer. 

Para garantir os resultados, é indicado manter a mesma mistura de ervas por três dias. As plantas precisam desse tempo para agirem da maneira correta no organismo. Em seguida, deve-se mudar a combinação, para criar um novo estímulo e evitar qualquer risco de toxicidade.

Imagem retirada da internet


Ervas Termogênicas: Ajudam o metabolismo a por mãos à obra, queimando calorias e gordura. O mais interessante é que algumas delas são lipolíticas (quebram a molécula de gordura já existente no organismo), além de reduzirem o colesterol mau. 

Boldo, carqueja, chá verde, branco e vermelho, casca de laranja, fucus, guaçatonga, hibisco e salsaparrilha. 



Imagem retirada da internet

Ervas Desintoxicantes: Capturam e eliminam pela urina gordura e toxinas que sobram do processo metabólico. Quando em excesso, essas substâncias atrapalham o funcionamento do sistema linfático e dificultam a perda de peso. Essas ervas também reduzem a formação de gases, evitando o inchaço. 

Alecrim, bardana, camomila, capim-cidreira, cardo-santo, centelha, coentro, dente –de-leão, erva-doce, espinheira-santa, hortelã e sálvia.
     
Imagem retirada da internet
     



Ervas Diuréticas: Favorecem o trabalho dos rins na filtragem da linfa (líquido que carrega impurezas). 
Alfafa, borragem, cabelo de milho, cavalinha, quebrapedra, sete sangrias. 




Como preparar o chá da maneira correcta:

Preparar o chá da maneira correta é essencial para deixar a bebida mais gostosa e eficiente.
Colocar as ervas (1 colher de sopa de cada uma, com exceção do chá verde que, deve ser 1 colher de sobremesa) em um recipiente de vidro ou porcelana. O inox e alumínio interferem de maneira negativa nas propriedades do chá. 
Pôr 1 litro de água ao lume e assim que começar a ferver, deitar em cima da mistura de ervas. Abafar com uma tampa ou pires por 10 minutos. Coar e beber frio ou quente entre as refeições.

Importante: Devemos fazer apenas a quantidade de chá que iremos consumir no dia. De um dia pro outro, a bebida perde as propriedades fito-químicas, e deixa de produzir esses efeitos.


Algumas sugestões de combinações saborosas:

1. Chá branco + hibisco + carqueja: Desintoxicante, também melhora o funcionamento do intestino.

2. Dente-de-leão + centelha + alfafa: Diurético, elimina toxinas que, em excesso, fazem você acumular peso.

3. Chá verde + boldo + cavalinha: Termogênico acelera a queima de gordura.


Slogan do dia: Toca a preparar um cházinho... e deliciem-se com os efeitos que poderão obter no vosso corpinho! 😉




Publicação feita em 24 de Fevereiro de 2016 e reeditada em 27 de Setembro de 2017.


Avaliação