Treino full body (corpo inteiro) para perder peso


O treino full body tem como princípio num mesmo treino trabalhar vários músculos diferentes (de cada grupo muscular). É recomendado 1 dia de descanso entre cada treino, pelo que uma opção para iniciantes será por ex. treinar 3x por semana.

Nos dias de hoje, principalmente no ginásio, ouve-se muito falar no treino que consiste em fazer exercícios isolados de cada músculo (treinar 1 músculo por dia numa semana de treino), mas sabiam que o treino full body é das modalidades mais antigas da musculação?

Vantagens do treino full body:


  • Óptimo para iniciantes uma vez que ajuda o corpo a adaptar-se à nova rotina de treino.
  • Indicado para pessoas que para além dos resultados óbvios de perda de gordura e ganho de massa muscular, pretendam ainda aumentar a força e resistência.
  • Indicado para pessoas que tenham como principal objectivo emagrecer. Devido ás suas características de colocar todo o corpo em actividade, aumenta a circulação sanguínea e acelera o metabolismo, o que ajuda muito na queima de gordura.

Este treino deve ser executado com halteres em vez das máquinas de musculação (os halteres são menos estáveis e acabam por recrutar mais músculos para além do músculo foco), como também pode ser feito ao livre com séries de exercícios usando apenas o peso do próprio corpo.


Exemplos de treino full body (em ginásio e ao ar livre):



Treino em casa




Na falta dos halteres (como vistos no 1º vídeo), podem improvisar com garrafas de água por exemplo.


Treino ao ar livre






Treino em ginásio






Antes de encerrar o tema de hoje, relembro a importância de aquecer os músculos a serem treinados antes de iniciar a ronda de exercícios.

O aquecimento fará aumentar a circulação sanguínea, dando mais elasticidade ao músculo o que proporciona um maior alongamento do mesmo aquando da execução do exercício.

Com a execução de exercícios de aquecimento, também aquecemos os tendões e ligamentos (prevenindo assim futuras lesões), além de contribuir para a libertação de um líquido existente nas articulações (o líquido sinovial) que ajuda a absorver o impacto.


Exemplo de exercícios de aquecimento:




Esta publicação não substitui o acompanhamento de um profissional da área, apenas tem o objectivo de motivar e elucidar sobre o assunto.


Bons treinos! 💪😉👍

Se gostou desta publicação comente ou use o botão de partilha do facebook. A vossa opinião é importante para mim!
Avaliação

0 comentários:

Enviar um comentário

Deixa aqui o teu comentário / dúvida, responderei o mais breve possível!